AgriHub finaliza etapa de mapeamento de dores dos produtores de Mato Grosso

A segunda etapa do projeto “AgriHub Conecta” passou por cidades estratégicas e realizou dinâmicas com agricultores e pecuaristas 

Foi finalizada a segunda etapa do “AgriHub Conecta”, projeto em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizado Rural de Mato Grosso (Senar-MT), em Campo Verde. O objetivo foi realizar um mapeamento de dores dos produtores rurais para, em seguida, apontar as principais soluções tecnológicas. A caravana do Hub passou oito cidades desde o mês de novembro e ouviu mais de 75 produtores rurais. 

O projeto teve início em outubro, quando o superintendente do Instituto, Paulo Ozaki, e a gerente de inovação e agronegócio, Jéssica Gimenes, se dedicaram a visitar os Sindicatos Rurais para conhecer os presidentes e estreitar laços. Na etapa finalizada, os produtores participaram de uma dinâmica para pensar e escrever as maiores dificuldades encontradas, dentro e fora da porteira. 

O encontro gerou uma visão mais realista das dores, bem como classificar quais são as demandas mais e menos urgentes. Estar em contato estreita os laços e abre espaço para maior assertividade ao apontar possíveis soluções que, auxiliam na melhora não apenas da produtividade, como também na vida daqueles que desempenham suas funções no campo. 

Jéssica explicou que esse ato colabora para o novo posicionamento do AgriHub, a casa de desenvolvimento tecnológico em agricultura em Mato Grosso. 

“Queremos impulsionar a transformação digital no campo, estimular o investimento em empresas de base tecnológica emergentes, contribuindo para o avanço da digitalização do agronegócio.” afirmou a gerente de inovação e agronegócio.

O produtor rural Lucas Daltroso, participou do encontro em Primavera do Leste. Ele destaca a importância da tecnologia e a agropecuária andarem progressivamente mais perto uma da outra.

“Eu acho que cada vez mais a tecnologia é essencial para ajudar o produtor e que cada vez mais a gente vai depender de plataformas tecnológicas  para tocar o nosso negócio. Nos próximos eventos vamos ter boas inovações para a gente poder conversar e debater sobre e até poder utilizar novas ferramentas”,  pontua.

A próxima etapa do projeto está prevista para 2024 e será focada em abrir uma chamada para que empresas e startups que tenham soluções voltadas para os problemas encontrados possam se inscrever. Assim, o AgriHub tomará seu papel como uma ponte entre as startups e os produtores rurais. A última etapa será responsável por um relatório, compilando todas as informações e resultados encontrados, que será disponibilizado para a sociedade. Ozaki explicou que o “AgriHub Conecta” tem previsão de ser um levantamento anual que será expandido para outras regiões do estado e até para outras atividades, além da pecuária e agricultura. 

Além de Campo Verde, a caravana passou pelas cidades de Nova Mutum, Alta Floresta, Canarana, Primavera do Leste, Campo Novo do Parecis, Tangará da Serra e Jaciara desde o mês de novembro. 

O presidente do Sindicato Rural de Canarana, Alex Wisch, explicou que essa iniciativa era algo que faltava em Mato Grosso e destacou quais suas expectativas. 

“O que a gente espera de todo esse trabalho é que realmente a gente consiga ter resultados. Nós precisamos dessas tecnologias, mas também precisamos que esteja no resultado final”,  declarou .

A My AgriHub

O AgriHub Conecta é mais uma tentativa de aproximar o Instituto daqueles que trabalham diariamente com o setor produtivo. Hoje, o Hub conta com a plataforma My AgriHub que tem como objetivo registrar startups e empresas, entender o nível de tecnologia e maturação de cada uma delas e como funcionam para que mais soluções possam ser encontradas e difundidas pelo estado. 

A My AgriHub também recebe o cadastro de produtores rurais e os ajuda a entrar em contato com startups que podem solucionar os problemas no campo. Por meio de filtros de busca dentro da plataforma o produtor consegue colocar suas maiores dificuldades encontradas na propriedade e, assim, buscar soluções que possam ser úteis. O AgriHub trabalha identificando empresas e startups e entrando em contato para difundir cada vez mais tecnologias pelo estado. 


Acompanhe o AgriHub

Siga o AgriHub no Instagram e o Linkedin para ficar por dentro das novidades e temas e faça parte da Comunidade no WhatsApp para receber notícias e oportunidades em primeira mão!

Por Aline Costa, estagiária da Assessoria de Comunicação AgriHub

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *